18/03/2021

BATATA/CEPEA: Oferta se reduz em março, mas pandemia prejudica a demanda

Problemas de qualidade impedem maior valorização da batata

Por Luana Chiminasso, Victória Brito de Ceni e João Paulo Deleo
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
BATATA/CEPEA: Oferta se reduz em março, mas pandemia prejudica a demandaVer fotos

Piracicaba, 18 – Na parcial de março (1° a 17/03), os preços da batata lavada tipo ágata estão em R$ 84,75 (ponderado pela classificação), na média das lavadoras do País, valor 2,4% abaixo dos de fevereiro/21 – os quais se encerraram em R$ 86,87 (ponderado pela classificação). Os primeiros 10 dias deste mês, conforme o previsto, foram marcados por alta nos valores do tubérculo, devido à desaceleração da oferta da safra das águas.

Porém, desde então, o mercado de batata tem registrado tendência de queda nos preços, sobretudo pela demanda mais lenta, após as novas medidas restritivas impostas para a contenção do avanço de casos da covid-19. Além disso, problemas na qualidade também vêm sendo relatados em parte do que é ofertado, devido à requeima, canela-preta e lenticelose.

Para o decorrer desta safra, a tendência é que a oferta continue se reduzindo, à medida em que a temporada se aproxima do final. Entretanto, a menor demanda pode continuar se sobrepondo à redução na oferta, pelo menos em março, período que ainda registra colheita expressiva da safra e, que, ao que tudo indica, poderá ter restrições ainda mais rigorosas quanto ao funcionamento do comércio. Já a partir de abril, a redução no volume de batata deve ser maior.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, colheita de batata, cotação de batata, demanda por batata, HF Brasil, mercado de batata, oferta de batata, perspectivas para o mercado de batata, preços de batata, safra das águas de batata

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui