21/09/2020

MELANCIA/CEPEA: Exportações à Europa devem ser favorecidas

Após início positivo em agosto, previsão é de maior demanda europeia

Por João Pedro Motta de Paiva e Fernanda Geraldini Palmieri
Em parceria com
Bayer
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MELANCIA/CEPEA: Exportações à Europa devem ser favorecidasVer fotos

Piracicaba, 21 – A safra de minimelancias do Rio Grande do Norte/Ceará tem sido favorecida pela boa demanda europeia, influenciada, por sua vez, pelo clima quente e pela menor oferta espanhola. Segundo agentes, como o fim das atividades na Espanha já está próximo – devendo ocorrer no início de outubro, segundo notícia veiculada no portal Fresh Plaza –, a expectativa é de maiores envios e preços mais atrativos na comercialização das frutas brasileiras.

Vale ressaltar que o início das atividades do ano-safra 2020/21 de exportação de melancia do RN/CE, em agosto, foi superior ao de 2019/20, tanto em volume (+58%) quanto em receita (+67%), segundo a Secex (Secretaria de Comércio Exterior). Diante do cenário positivo, exportadores brasileiros estão animados, mas mantêm a cautela, dada a provável redução do fluxo de turistas, devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Fonte: hfbrasil.org.br, Secex e Fresh Plaza

Tags: Cepea, comércio internacional de frutas, demanda europeia por frutas brasileiras, envios de melancia à Europa, exportações de frutas brasileiras, exportações de melancia, HF Brasil, melancia

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui