07/06/2019

MAÇÃ/CEPEA: Mercado segue 'gelado'

Mesmo assim, preços da gala miúda aumentam

Por Ana Raquel Mendes e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MAÇÃ/CEPEA: Mercado segue 'gelado'Ver fotos

Piracicaba, 07 - Com fraca procura, o mercado de maçã segue estagnado mais uma semana (03 a 07/06). Segundo agentes do setor, a demanda não reagiu como era esperado para o começo de mês, em parte devido ao poder de compra ainda limitado do consumidor, o que acaba freando a compra da fruta. Além disso, há uma alta oferta de outras frutas de época, que acabam competindo com a maçã, uma vez que apresentam um preço mais baixo, como é o caso da tangerina poncã.

Ainda assim, a gala miúda alcançou alta de 7% em Vacaria (RS), fechando com preço médio de R$ 49,00/ cx de 18 kg, fato relacionado à oferta mais controlada no período em função da comercialização de maçãs armazenadas. Para as próximas semanas, classificadores mantém baixas expectativas quanto às comercializações, uma vez que as menores temperaturas e o início das férias escolares costumam afetar negativamente a demanda. Vale ressaltar que, segundo agentes, até mesmo as maçãs importadas apresentaram recuo nos preços nesta semana. Assim, para junho, a estabilização dos preços vai depender bastante da estratégia de oferta (abertura de câmaras) dos classificadores.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, clima frio, HF Brasil, maçã gala, maçãs armazenadas, mercado fraco, preços de maçã, tangerina poncã

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui