12/04/2019

UVA/CEPEA: Preços recuam no NE

Chuva no Rio de Janeiro prejudica venda da fruta

Por Lais Marcomini, Fernanda Geraldini e João Paulo Bernardes Deleo
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
UVA/CEPEA: Preços recuam no NEVer fotos

Piracicaba, 12 - Nesta semana, o aumento de oferta de uva na região do Vale do São Francisco (PE/BA) e a menor demanda têm ocasionado cotações menores para diversas variedades, segundo agentes do Hortifruti/Cepea. A demanda foi prejudicada pela diminuição das compras nos centros de distribuição do Rio de Janeiro (RJ) – por conta das graves chuvas que acometeram a região. Em Campinas (SP), as sobras de uvas de semanas anteriores também dificultaram a recompra. Já a oferta para o mercado interno aumentou no Vale devido à baixa qualidade, que tem inviabilizado a exportação de alguns lotes de variedades que passaram por chuva. Sendo assim, alguns exportadores ficaram inseguros para enviar arra 15 e BRS vitória, para mercados fora do Brasil. Destaca-se ainda que variedades com semente – mais sensíveis às precipitações – deram sinais de escurecimento interno, rachaduras e podridão, perdendo espaço no mercado de diversas regiões brasileiras devido a qualidade.

 

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: atacado, Campinas, chuva, cotação, demanda, fruta, oferta, preço, qualidade, rio de janeiro, uva

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui