28/05/2021

UVA/CEPEA: Em um ano, itália se desvaloriza em 17% no Vale

Alta oferta e baixa demanda dificulta aumentos

Por Bárbara Castilha, Samara Felipe e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
UVA/CEPEA: Em um ano, itália se desvaloriza em 17% no ValeVer fotos

Piracicaba, 28 - A comercialização de uvas de mesa no Vale do São Francisco (PE/BA) foi mais lenta nesta semana, com preços impactados pelo cenário de alta oferta e baixa demanda doméstica. A dificuldade nas vendas preocupa produtores da região, já que as cotações estão muito abaixo do normal para a época, e em muitos casos, não são capazes de cobrir os custos de produção.

Nesta semana (24 a 28/05), a uva itália no contentor foi comercializada à média de R$ 2,63/kg, queda de 17,0% em relação ao mesmo período do ano passado, momento em que, apesar da pandemia, a oferta controlada dava sustentação às cotações. 

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: coronavírus, cotação, covid-19, demanda, itália, juazeiro, oferta, pandemia, Petrolina, preço, uva, vale do são francisco

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui