12/02/2021

UVA/CEPEA: Brancas com e sem semente se valorizam no Vale

Para as sem semente, exportações beneficiaram cenário

Por Bárbara Castilha e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
UVA/CEPEA: Brancas com e sem semente se valorizam no ValeVer fotos

Piracicaba, 12 - Nesta semana (08 a 12/02), os preços das uvas brancas, tanto com quanto sem semente, se elevaram no Vale do São Francisco. Para a itália embalada, o valor médio de comercialização foi de R$ 5,67/kg, enquanto as brancas sem semente embaladas (representadas principalmente pela arra 15) tiveram média de R$ 10,90/kg, altas respectivas de 14,8% e 1,7% frente à semana passada.

No caso das sem semente, as exportações ainda são responsáveis pela redução na oferta nacional. Ainda que os envios para a Europa tenham se reduzido um pouco nos últimos dias, dada à recuperação na produção de outros países, os pedidos para os Estados Unidos foram firmes. Para as uvas com semente, entretanto, o cenário é outro. Outras regiões produtoras brasileiras estão atingindo seu pico, e não deve faltar uvas do grupo itália no mercado, como ocorrido em 2020.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: arra 15, colheita, cotação, demanda, exportação, itália, juazeiro, oferta, Petrolina, preço, safra, sem semente, uva, vale do são francisco

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui