18/08/2020

TOMATE/CEPEA: Araguari (MG) conclui mais de 60% da safra

Expectativa é de bons preços em agosto

Por Juliana A. T. Parede, Raquel M. Sabelli e João Paulo Deleo
Em parceria com
UPL
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
TOMATE/CEPEA: Araguari (MG) conclui mais de 60% da safraVer fotos

Piracicaba, 18 – A temporada de tomate de Araguari (MG), que teve início em março, deve se encerrar em novembro. Até o momento, a colheita na região já superou 60% do total da safra.

De forma geral, na parcial da temporada (até julho), a rentabilidade de produtores locais foi marcada por altas e baixas. Nos primeiros meses de colheita, entre março e abril – os quais representavam 22% do total da safra –, a oferta nacional ainda era limitada e, assim, os preços permaneceram acima dos custos de produção, à média de R$ 42,30/cx, considerando-se os dois meses, sendo o valor ponderado pela classificação.

Entretanto, a partir de maio, com o aumento do volume, as cotações começaram a recuar: em junho e julho, o preço médio foi de R$ 20,25/cx, valor 33% abaixo dos custos de produção – os quais, por sua vez, ficaram em R$ 30,16/cx.

E EM AGOSTO? – Apesar das quedas em meses anteriores, agosto promete preços mais atrativos, devido à maior redução nos plantios, após o início da quarentena. Na semana passada (10 a 14/08), o preço médio do tomate, ponderado por classificação, foi de R$ 47,31/cx na praça mineira, aumento de 122% em relação ao período anterior.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: alta no preço do tomate, Cepea, colheita de tomate em Araguari, mercado de tomate em agosto, oferta de tomate, oferta de tomate em Araguari, perspectivas, preços de tomate, produção de tomate, rentabilidade

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui