08/11/2019

MELÃO/CEPEA: Produtores tentam manter cotações

Mas, desvalorização ocorre no atacado

Por Maria Giulia Marchesi e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MELÃO/CEPEA: Produtores tentam manter cotaçõesVer fotos

Piracicaba, 08 - Enquanto produtores tentaram manter cotações no RN/CE, nova queda nos preços do melão amarelo ocorreu na Ceagesp nesta semana (04 a 08/11). Consultas realizadas pelo Hortifruti/Cepea indicaram que os estoques dos boxes se encontram bem abastecidos e, diante de dias marcados por chuvas e céu nublado em São Paulo, a demanda não absorveu todo este volume. Em decorrência disso, o amarelo tipo 6 e 7 foi cotado a R$ 23,40/cx de 13 kg, 4% mais baixo que o da semana passada. As variedades nobres também passaram por redução, sendo as mais expressivas para a cantaloupe e orange (ambas de 9%).

Ainda de acordo com colaboradores, a oferta de amarelo de baixo calibre é alta, visto que uma grande proporção dos calibres médios e graúdos está sendo destinada à exportação, restando os menores para o mercado interno – o que resultou em maiores quedas de preços para estes nesta semana, e pode seguir afetando o mercado nas próximas.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: boxes cheios, calibres miúdos, Ceagesp, Cepea, chuvas, demanda fraca, desvalorização, HF Brasil, maior oferta, melão amarelo, preço de melão, rn/ce

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui