25/04/2018

MELANCIA/CEPEA: Exportação finaliza com bons resultados

Perspectivas para 2018/19 estão, novamente, focadas no mercado externo

Por Mariane Novais e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MELANCIA/CEPEA: Exportação finaliza com bons resultadosVer fotos

Piracicaba, 25 – O período de envios de minimelancias à União Europeia chegou ao fim em março, segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea. No geral, a temporada foi considerada satisfatória, já que produtores tiveram boa rentabilidade com a cultura e o volume enviado, novamente, bateu recorde.

Segundo a Secex (Secretaria de Comércio Exterior), na safra 2017/18 (agosto/17 a março/18), foram enviadas 71,3 mil toneladas da fruta, volume 1% superior ao de 2016/17. Quanto à receita, registrou alta de 9,6%, chegando a US$ 36,3 mil no período. Apesar dos bons resultados, a salinidade das águas no Rio Grande do Norte/Ceará, principal região exportadora, impactou a produtividade de algumas lavouras; porém, a qualidade das frutas foi mantida.

As perspectivas para 2018/19 é que melancicultores continuem focados no mercado externo com a crescente demanda dos últimos anos. Contudo, a área plantada só deverá ser definida em maio, quando são fechados os contratos de comercialização.

Fonte: hfbrasil.org.br e Secex

Tags: envios de minimelancia, exportações de melancia, fruticultura brasileira, melancia, mercado internacional, perspectivas, produtividade, união europeia

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui