26/01/2021

MANGA/CEPEA: Preços estão em alta desde o final de 2020

Oferta permanece controlada nas regiões produtoras

Por Deborah Tiemi Kubo e Fernanda Geraldini
Em parceria com
Corteva Agriscience
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MANGA/CEPEA:  Preços estão em alta desde o final de 2020Ver fotos

Piracicaba, 26 – Os preços da manga estão em movimento de alta desde o início de dezembro/20, com a palmer e a tommy acumulando seis valorizações consecutivas. Na semana passada, por exemplo, a média da tommy no Vale do São Francisco (PE/BA) foi de R$ 1,94/kg e a da palmer, de R$ 1,19/kg, altas respectivas de 48% e 61% frente à média da última semana de dezembro. Este cenário é decorrente da oferta controlada nas regiões produtoras, segundo agentes consultados pelo Hortifruti/Cepea.

Atualmente, as cotações da tommy estão em patamares mais altos, diante da oferta praticamente restrita ao Vale do São Francisco (PE/BA) – a colheita em Livramento de Nossa Senhora (BA) é baixa e a de Monte Alto/Taquaritinga (SP) se encerrou no início de dezembro. O preço da palmer, por sua vez, também tem se elevado, embora com menos força, visto que ainda há oferta (mesmo que controlada) em todas as praças produtoras acompanhadas pelo Hortifruti/Cepea. Para esta variedade, as valorizações tendem a ser mais expressivas em fevereiro, diante da finalização da safra na região paulista e da continuidade da oferta controlada no semiárido.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, colheita de manga, cotação de manga, HF Brasil, mercado de manga, oferta de manga, preços de manga

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui