15/01/2021

MANGA/CEPEA: Palmer volta a superar os custos no Vale

Cotações vinham abaixo dos gastos desde 20 de novembro

Por Deborah Tiemi Kubo e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MANGA/CEPEA: Palmer volta a superar os custos no ValeVer fotos

Piracicaba, 15 - Os preços da manga palmer estavam abaixo dos custos de produção desde a semana do dia 20 de novembro. Na média do mês passado, as cotações da variedade no Vale do São Francisco (PE/BA) ficaram 19% abaixo dos custos unitários. O cenário trouxe certa apreensão, visto que, nos últimos cinco anos, o preço médio da palmer do Vale ficou acima dos gastos em todos os meses.

Um alento, contudo, é que as cotações vêm se recuperando nas últimas semanas. Nesta (11 a 15/01), os valores de comercialização no Vale do São Francisco (PE/BA) voltaram a superar os custos de produção unitários. A média semanal foi de R$ 1,04/kg, alta de 33% frente à semana passada. No geral, as cotações da variedade vinham pressionadas pelo pico de safra na região de Monte Alto/Taquaritinga (SP), mas as perspectivas são de redução da oferta no final deste mês, com poucas áreas em colheita a partir de fevereiro. Assim, os preços tendem a continuar com o movimento de alta nas próximas semanas.

 

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: cotação, custo, custo de produção, juazeiro, manga, monte alto, oferta, palmer, Petrolina, preço, taquaritinga, vale do são francisco

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui