26/03/2021

MANGA/CEPEA: Com baixo escoamento, tommy despenca 45% no Vale

Pandemia continua com reflexos negativos em demanda

Por Deborah Tiemi Kubo e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MANGA/CEPEA: Com baixo escoamento, tommy despenca 45% no ValeVer fotos

Piracicaba, 26 - Os preços da manga tommy registraram expressiva queda na região do Vale do São Francisco (PE/BA) nesta semana (22 a 26/03): os valores médios foram de R$ 1,70/kg, recuo de 45% em relação à semana passada. Este cenário está associado às medidas restritivas adotadas para conter o avanço da pandemia do coronavírus – como a circulação de pessoas está limitada, a procura pela fruta diminuiu.

Além disso, segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, em decorrência do lockdown em alguns estados, parte dos envios foi cancelado. A presença de mangas verdes no mercado também prejudicou as negociações. Por fim, os volumes do Vale do São Francisco se elevaram um pouco, visto que alguns produtores já começaram a colher a nova safra.

 

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: coronavírus, cotação, covid 19, demanda, juazeiro, manga, oferta, pandemia, Petrolina, preço, tommy, vale do são francisco

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui