05/03/2021

MAMÃO/CEPEA: Havaí se valoriza 62% no Sul da BA

Variedade alcança média de R$ 2,66/kg na região

Por Wharlhey de Cássia Nunes e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MAMÃO/CEPEA: Havaí se valoriza 62% no Sul da BAVer fotos

Piracicaba, 05 - A menor oferta impulsionou os preços do mamão havaí em todas regiões produtoras nesta semana (1° a 05/03). Assim, o havaí tipo 12 a 18 foi vendido por R$ 2,66/kg no Sul da Bahia, valor 62% superior ao da semana passada. Esse menor volume na praça sul baiana, segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, se deve à maturação antecipada que ocorreu em janeiro e às recentes chuvas. Além disso, a ocorrência de frutas carpeloides, resultado do forte calor durante a florada (fim da primavera e início do verão), também diminuiu a disponibilidade de havaí comercializável.

No Rio Grande do Norte/Ceará, o preço também subiu, diante da redução da oferta. Neste polo, o havaí de primeira qualidade foi comercializado por R$ 1,71/kg, alta de 14% na mesma comparação. Para a próxima semana, produtores de mamão havaí esperam que a oferta siga reduzindo, o que pode assegurar bons preços para a variedade, se os compradores aceitarem. Vale ressaltar que o retorno da fase mais restritiva da quarentena em diversos estados, em razão da intensificação da covid-19, preocupa quanto à demanda de algumas atividades, como restaurantes e hotéis.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: avanço da covid-19, Cepea, havaí se valoriza, HF Brasil, preço de mamão, redução da oferta, rn/ce, sul da BA

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui