26/07/2019

MAÇÃ/CEPEA: Final de mês limita demanda

Classificadores, contudo, contêm oferta e estabilizam cotações

Por Ana Raquel Mendes e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MAÇÃ/CEPEA: Final de mês limita demandaVer fotos

Pircicaba, 26 - Com a proximidade do fim de mês, o mercado de maçãs permaneceu lento nesta semana (22 a 26/07) em função do menor poder de compra do consumidor. Porém, apesar da comercialização enfraquecida, os preços da maçã ficaram estáveis ou com leve recuo, principalmente para as frutas de primeira categoria. Isso ocorreu porque as classificadoras reduziram a abertura das câmaras de armazenamento e, consequentemente, processaram um menor volume de maçãs – prática que visava manter a oferta controlada.

Na média das regiões classificadoras, a gala graúda Cat 1 fechou com preço médio de R$ 62,71/cx de 18 kg, leve redução de 2% frente à semana passada. Para a fuji graúda Cat 1, o recuo de preços foi de apenas 1%, sendo vendida por R$ 54,76/cx de 18 kg.

Ainda assim, segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, houve certa dificuldade no comércio da categoria 2, visto que há classificadores que montam lotes mistos de Cat 1 com as melhores frutas da 2 e comercializam como uma categoria 1 mais “barata”, o que reduz a atratividade e a competitividade das frutas de categoria 2. Vale ressaltar que, para alguns centros, a baixa procura por maçãs também está relacionada às férias escolares e ao frio, cenário observado na Ceagesp.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, cotações, HFBrasil, oferta, preço da maçã

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui