30/05/2018

CEBOLA/CEPEA: Greve dos caminhoneiros eleva preços no atacado

Alguns atacadistas conseguiram comercializar nesta quarta-feira (30/05)

Por Andrea Cimino, Beatriz Papa Casagrande e Marina Marangon
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
CEBOLA/CEPEA: Greve dos caminhoneiros eleva preços no atacadoVer fotos

Piracicaba, 30 - Nesta semana (28 a 30/05), o atacado de São Paulo (Ceagesp) comercializou cebolas apenas nesta quarta-feira, 30, devido à greve dos caminhoneiros. Mesmo assim, poucos atacadistas conseguiram fechar negociações e, com isso, os preços tiveram expressivo aumento. As mercadorias não conseguiram chegar aos comerciantes desde a semana passada, por conta da paralisação das rodovias. Segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, poucos bulbos foram comercializados e por preços muito elevados.

A média da caixa 3 beneficiada ficou em R$ 121,67/sc de 20 kg, com expressivos 62,2% de aumento. Colaboradores relataram que a oferta ainda continua baixa e deve se ajustar aos poucos, dificultando a atividade dos vendedores.  Contudo, a alta é apenas reflexo da situação de paralização da comercialização em todo o País e os preços devem voltar a cair a medida que o escoamento se normalize.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: cebola, colheita, cotação, greve, paralisação, preços

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui