25/05/2018

BANANA/CEPEA: Apenas Vale do Ribeira teve cotações devido à greve

Com greve dos caminhoneiros, mercado paralisa

Por Rodolfo Hackmann, Ana Roselino, Marcela Barbieri e Letícia Julião
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
BANANA/CEPEA: Apenas Vale do Ribeira teve cotações devido à greveVer fotos

Piracicaba, 25 - Nesta semana (21 a 25/05), o mercado de banana ficou praticamente paralisado por conta da greve dos caminhoneiros, que se estende por 24 estados em todo o Brasil. Segundo atacadistas, vários carregamentos da fruta foram cancelados ou estão parados nas estradas devido à paralisação. Mesmo com o acordo oferecido pelo governo na noite de quinta, 24 (de congelar o preço do diesel por 30 dias), a expectativa é de que a greve continue nos próximos dias. Com isso, os preços podem aumentar na Ceagesp, em decorrência da baixa oferta. Houve relatos de que carregamentos, principalmente de Santa Catarina não chegaram e estão sem previsão de entrada no atacado de São Paulo.

Nesta semana, apenas colaboradores do Vale do Ribeira (SP) registraram vendas no início da semana, sendo a única região com cotações disponíveis. Além disso, em Delfinópolis (MG), aproximadamente mil toneladas de banana colhidas estão paradas nas packing houses de alguns produtores da região. De acordo com colaboradores do Hortifruti/Cepea, apenas a banana de estoque está sendo comercializada, e este deve durar até sábado. Para a nanica, o preço se manteve na média de R$ 26,71/cx de 22 kg na capital paulista, e para a prata anã, de R$ 51,60/cx de 20 kg. Caso a greve continue e o mercado não se estabilize, a falta de fruta no varejo (para o consumidor final) pode ser observada na próxima semana.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: banana, Cepea, cotações, greve dos caminhoneiros, HF Brasil, preço, Vale do Ribeira

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui