17/07/2020

ALFACE/CEPEA: Altas consecutivas animam produtor paulista

Oferta limitada mantém cenário altista

Por Maria Julia Ramos e Marina Marangon
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
ALFACE/CEPEA: Altas consecutivas animam produtor paulistaVer fotos

Piracicaba, 17 - Em Mogi das Cruzes e Ibiúna (SP) foram registradas novas altas nos valores de alface ao longo desta semana (13 a 17/07). O preço médio da crespa foi R$ 14,70/cx com 20 unidades em Mogi das Cruzes, acréscimo de 11,85%; em Ibiúna, a variedade alcançou R$ 10,88/cx com 20 unidades, +25,57%.

Conforme vem ocorrendo nas últimas semanas, a oferta nas roças paulistas é limitada devido às reduções de área. Apesar da produção e da qualidade, no geral, serem consideradas satisfatórias, alguns produtores relatam problemas com mela, doenças do solo e tamanho dos pés – o que comprometem ainda mais a oferta.

Com isso, produtores priorizam a comercialização para os clientes fixos, sendo que alguns compradores estão pagando mais pelos pés, fator importante na elevação dos preços. Colaboradores do Hortifruti/Cepea continuam otimistas quanto aos negócios nas próximas semanas: esperam um clima mais quente, o que pode estimular o consumo.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: cotação alface, preço da alface, produção de alface, venda de alface

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui