25/09/2020

TOMATE/CEPEA: Preços têm leve aumento nas Centrais de Distribuição

Oferta pode aumentar na próxima semana

Por Raquel Moreira Sabelli, Juliana Acácio Toledo Parede e João Paulo Bernardes Deleo
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
TOMATE/CEPEA: Preços têm leve aumento nas Centrais de DistribuiçãoVer fotos

Piracicaba, 25 - Entre os dias 21 e 25/09, as cotações do tomate salada longa vida 3A, caixa de 18-20 kg, ficaram em R$ 59,34 (+5,56%) na Ceagesp, em R$ 65,48 (+2,89%) em Campinas/SP, em R$ 54,33 (+5,59%) no Rio de Janeiro/RJ e em R$ 46,25 (-1,40%) em Belo Horizonte/MG. Nesta semana, as temperaturas foram mais amenas e, por isso, a maturação do tomate foi mais lenta, diminuindo a oferta no mercado. Além disso, São José de Ubá (RJ) e Mogi Guaçu (SP) já estão diminuindo o ritmo de colheita da safra de inverno. Segundo atacadistas, alguns frutos apresentaram manchas devido às chuvas ocorridas nesta semana. Paty de Alferes (RJ) deve aumentar o ritmo de colheita nos próximos dias e, se a temperatura subir conforme previsto, a oferta será maior.

 

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: alta, atacado, Belo Horizonte, calor, Campinas, Ceagesp, ceasa, chuva, clima, desvalorização, fruto, manchas, maturação, mercado, Mogi Guaçu, preço, rio de janeiro, safra de inverno, São José de Ubá, São Paulo, temperatura, tomate, valor, valorização, variação

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui