20/12/2018

MANGA/CEPEA: Retrospectiva 2018

Como esteve a rentabilidade da cultura neste ano?

Por Gabriel Pacheco Oliveira e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MANGA/CEPEA: Retrospectiva 2018Ver fotos

Piracicaba, 20 – A mangicultura brasileira se mostrou, por mais um ano, uma cultura bastante rentável. As vendas de manga, principalmente ao mercado externo, tiveram bom desempenho. Contudo, as margens foram bem mais apertadas em relação aos últimos dois anos em todas as praças, reflexo dos custos mais altos e dos menores preços em 2018.

No geral, a oferta de manga foi mais elevada, tanto devido aos ganhos de produtividade em alguns períodos e regiões quanto ao aumento de área em anos recentes. Devido aos bons resultados financeiros em 2016 e 2017, novos plantios foram realizados em 2018 nas regiões do Vale do São Francisco (PE/BA) e no Norte de Minas Gerais.

Quer saber mais sobre o mercado de manga em 2018 e as perspectivas para 2019? Confira o Anuário 2018-19 da Revista Hortifruti Brasil, clicando aqui.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Anuário 2018-2019, área de manga, Cepea, Hortifruti Brasil, manga, mercado de manga, rentabilidade, rentabilidade ao produtor de manga, retrospectiva 2018

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui