08/02/2019

MANGA/CEPEA: Preços na Ceagesp refletem baixa oferta

Demanda limitada pode dificultar maiores valorizações

Por Gabriel Pacheco Oliveira e Rogério Bosqueiro
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MANGA/CEPEA: Preços na Ceagesp refletem baixa ofertaVer fotos

Piracicaba, 08 - A baixa oferta de manga finalmente refletiu em alta nas cotações do atacado. Revendedores atacadistas comentam que quase toda fruta comercializada agora é de Petrolina/Juazeiro (PE/BA), o que está elevando os preços – até a semana passada, parte significativa dos boxes ainda comercializava a palmer paulista, que é menos valorizada do que a nordestina devido à qualidade irregular.

Além da menor oferta de manga de São Paulo e da melhoria no padrão das frutas nas prateleiras dos supermercados, o Vale segue sustentando, quase que sozinho, a demanda pela fruta, resultando em tendência de aumento dos preços ao longo do mês.

Apesar das boas expectativas, revendedores relatam ritmo lento nas vendas, o que pode segurar as cotações. Nesta semana, a manga palmer foi comercializada por R$ 3,76/kg e a tommy por R$ 4,03/kg na Ceagesp.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, cotação, demanda, HFBrasil, manga, Monte Alto/Taquaritinga (SP), oferta, preços, Vale (PE/BA)

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui