12/04/2019

MANGA/CEPEA: Preços estão caindo...

Ainda assim, cenário é positivo para a mangicultura

Por Gabriel Pacheco Oliveira e Rogério Bosqueiro
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MANGA/CEPEA: Preços estão caindo...Ver fotos

Piracicaba, 12 - Manga verde nos mercados, desconfiança dos consumidores, estoque nos atacados e intensificação da colheita em importantes praças produtoras. O cenário não é o melhor possível para a mangicultura brasileira.... Em relação à semana passada, a tommy do Vale do São Francisco (PE/BA) e de Livramento tiveram, respectivamente, desvalorizações de 3% e 10%. Com a palmer não foi muito diferente, e o preço da variedade teve 11% de queda no Norte de MG e 6% no Vale.

Os números apresentados não são animadores, não é? Mas, ainda assim, o Hortifruti/Cepea vai mostrar para você, produtor, que a sua atividade está tendo ótimos resultados! Se compararmos os preços desta semana com os do mesmo período do ano passado (segunda semana de abril/18), veremos números animadores: as cotações da tommy estão no mesmo nível, e da palmer 41% superiores.

A rentabilidade é outro bom indicador do sucesso da mangicultura: neste primeiro trimestre, os preços para as mesmas variedades do Vale (PE/BA) foram, respectivamente, 221% e 276% maiores do que os custos de produção neste intervalo. Nos três primeiros meses de 2018, as rentabilidades também eram positivas (93% para tommy e 61% para palmer), mas menores frente às de 2019.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, cotação, HFBrasil, manga, palmer, preço, rentabilidade, tommy

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui