07/05/2021

MANGA/CEPEA: Menor consumo no mercado doméstico continua afetando preços

Palmer recua 14% na semana, enquanto tommy se valoriza em 1%

Por Deborah Tiemi Kubo e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MANGA/CEPEA: Menor consumo no mercado doméstico continua afetando preçosVer fotos

Piracicaba, 07 - Os preços da manga palmer continuam reduzidos em todas as regiões produtoras do País. Segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, a oferta está crescendo gradualmente, e mesmo sendo início de mês, as vendas estão desaceleradas. Nesta semana (03 a 07/05), o valor médio da variedade foi de R$ 1,01/kg no Vale do São Francisco (PE/BA), decréscimo de 14% em relação à semana anterior.

Um dos grandes motivos é a crise econômica que o País vem enfrentandosobretudo desde o início da pandemia, fator que diminuiu o poder de compra da população. Além disso, no cenário nacional, muitas outras frutas também estão sendo comercializadas a preços mais baixos do que o usual (como a uva), o que aumenta as opções ao consumidor para substituição da manga. Em relação à tommy, nesta semana a cotação média foi de R$ 0,89/kg, valorização de 1% em relação à semana anterior, mas ainda abaixo dos custos de produção.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: cotação, demanda, juazeiro, manga, oferta, palmer, pandemia, Petrolina, preço, renda, tommy, vale do são francisco

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui