23/10/2020

MAÇÃ/CEPEA: Oferta restrita garante preços firmes

Proximidade do fim de mês afeta vendas

Por Ana Raquel Mendes e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MAÇÃ/CEPEA: Oferta restrita garante preços firmesVer fotos

Piracicaba, 23 - A proximidade do fim de mês e os elevados preços da maçã (sobretudo dos maiores calibres) provocaram uma leve redução das vendas nas regiões classificadores nesta semana (19 a 23/10) – o que foi compensado pelos estoques bastante reduzidos de algumas empresas no período. Vale apontar que foi feriado em Vacaria (RS) na quinta-feira, 22, (Dia da Emancipação do Município), e algumas classificadoras locais não abriram nesta data.

Essa disponibilidade limitada, inclusive, colaborou para melhorar a uniformidade do escoamento entre os calibres. De acordo com agentes, houve melhora na comercialização dos calibres 130, 150 e 165, por exemplo, que estavam com oferta razoável anteriormente, mas não eram tão vendidos quando comparados aos calibres mais miúdos (“mais em conta”). Assim, a redução da oferta destes garantiu maiores preços. Diante desse cenário, a gala calibre 165 Cat 1 se valorizou 2%, sendo vendida a R$87,29/cx de 18 kg.

Para a próxima semana, a expectativa é de que os preços de maçã se sustentem, visto que, apesar da demanda recuar no fim de mês, a oferta deve continuar bastante limitada.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, elevados preços, estoque reduzido, fim de mês, HF Brasil, leve valorização, preço de maçã, regiões classificadoras

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui