29/10/2021

CITROS/CEPEA: Apesar de volumosas, chuvas ainda não aumentam significativamente a oferta de laranjas

Com exportação desaquecida, oferta de tahiti é alta no mercado interno

Por Isabela Camargo, Laleska Moda, Paula Benatti e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
CITROS/CEPEA: Apesar de volumosas, chuvas ainda não aumentam significativamente a oferta de laranjasVer fotos

Piracicaba, 29 - Os preços da laranja pera seguem firmes no mercado de mesa. No geral, as recentes chuvas ainda não resultaram em aumento significativo na oferta de laranja, mas isso poderá ser observado nas próximas semanas.

A laranja pera teve média de R$ 50,22/cx de 40,8 kg nesta semana (25 a 29/10), leve queda de 0,2% em relação à semana passada. A lima, por sua vez, foi negociada à média de R$ 75,96/cx, avanço de 2,5% na mesma comparação.

Para a lima ácida tahiti, o cenário é um pouco diferente. Com a alta oferta e qualidade ainda restrita, os preços estão em queda. Além disso, o ritmo de exportação segue lento. As cotações internas registraram média de R$ 20,43/cx de 27 kg, recuo de 13,3% frente à semana anterior.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: chuva, cotação, demanda, exportação, laranja, lima, lima ácida tahiti, limão, oferta, pera, Pi, preço, tahiti

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui