28/09/2018

ALFACE/CEPEA: Cotações ficam próximas do custo em SP

Em Mogi das Cruzes, rentabilidade fica negativa

Por Isabela Camargo e Marina Marangon
Em parceria com
YARA
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
ALFACE/CEPEA: Cotações ficam próximas do custo em SPVer fotos

Piracicaba, 28 - Os preços das folhosas caíram novamente nas regiões paulistas de Mogi das Cruzes e Ibiúna nesta semana (24 a 28/09). A oferta elevada e a procura extremamente baixa foram os principais motivos da queda em ambas as regiões. Com o intuito de estimular o escoamento, muitos produtores realizaram promoções durante a semana, influenciando em menores cotações.

Porém, segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, no final da semana passada, entre os dias 20 e 21/09, houve chuva de granizo em alguns pontos da região de Ibiúna, o que contribuiu para uma redução na oferta das alfaces. A qualidade, no entanto, também teve algumas alterações: alguns pés já estão apresentando problemas com queima das bordas – ocasionados pelo clima mais úmido e pelas elevadas temperaturas.

Porém, mesmo assim, a alface americana na região de Ibiúna teve queda de 10,24%, frente à semana anterior, cotada por R$ 7,45/cx com 12 unidades. A crespa em Mogi das Cruzes, saiu por R$ 8,88/cx com 20 unidades, queda de 14,11%. Os preços ficaram bem próximos ou até menores do que os valores de custo referente a este mês, estimado em R$ 7,00 em Ibiúna e R$ 10,19 em Mogi.

Diante desse cenário, colaboradores já relataram intenção de redução do plantio para a próxima safra. A expectativa para a próxima semana (29/09 a 05/10) é de maior volume de chuvas nas regiões produtoras, o que deve pressionar a produção e a qualidade das folhosas.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: alface, cotações, oferta, preços, produção

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui