29/06/2018

ALFACE/CEPEA: Alfaces seguem em baixa nas roças paulistas

No geral, as alfaces estão sendo comercializadas em boa qualidade e tamanho padrão

Por Isabela Camargo, Lívia Rebeca Luz e Marina Marangon
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
ALFACE/CEPEA: Alfaces seguem em baixa nas roças paulistasVer fotos

Piracicaba, 29 - Com a boa produtividade e alta oferta, os preços das alfaces nas regiões paulistas de Mogi das Cruzes e Ibiúna seguiram baixos nessa semana (23 a 29/06). Com o clima frio, a produtividade foi boa, mantendo a oferta elevada. No geral, as alfaces estão sendo comercializadas em boa qualidade e tamanho padrão. Porém, nas regiões mais secas de Mogi das Cruzes, alguns produtores estão relatando casos de vira-cabeça - vírus que tem como hospedeiro o inseto tripes - que gera necrose e morte de alguns pés.

Além da oferta elevada, a procura pelas alfaces continua baixa (reflexo do clima mais frio da época). Assim, a variedade crespa teve média de R$ 10,25/cx com 20 unidades, leve queda de 3,91% frente à semana passada.  Para a próxima semana (30/06 a 06/07), esperam-se temperaturas ainda mais quentes tanto para Ibiúna quanto para Mogi, o que pode ocasionar uma melhora nos preços das alfaces.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: alface, cotação, preços, produção

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui