18/06/2021

UVA/CEPEA: Procura cai, mas oferta mais controlada beneficia cotações da embalada no Vale

Brancas sem semente devem seguir escassas

Por Bárbara Castilha, Samara Felipe e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
UVA/CEPEA: Procura cai, mas oferta mais controlada beneficia cotações da embalada no ValeVer fotos

Piracicaba, 18 - Além das restrições econômicas trazidas pela pandemia, viticultores do Vale do São Francisco (PE/BA) tiveram, nesta semana (14 a 18/06), mais um motivo para a redução da procura pela uva: a queda de temperaturas no Sul e no Sudeste. Ainda assim, a BRS vitória apresentou leve valorização, já que a oferta recuou, cenário já esperado para o mês de junho. A média de comercialização da negra sem semente embalada foi de R$ 6,93/kg, alta de 19,3% frente à semana passada.

Já a branca sem semente embalada teve média de R$ 9,60/kg, aumento de 15,5% na mesma comparação. Produtores consultados pelo Hortifruti/Cepea preveem continuidade na queda da oferta de brancas sem semente nos próximos meses, já que o exterior será o alvo das negociações, o que pode amenizar quedas ou até mesmo elevar os preços no mercado interno.
 

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: arra 15, branca sem semente, brs vitória, clima, cotação, demanda, exportação, oferta, preço, uva, vale do são francisco, vitória

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui