05/04/2019

UVA/CEPEA: Niagara pode ter preços mais baixos no mês

Expectativa é de boa safra para o Paraná

Por Lais Marcomini, Fernanda Geraldini e João Paulo Bernardes Deleo
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
UVA/CEPEA: Niagara pode ter preços mais baixos no mêsVer fotos

Piracicaba, 05 - A variedade de uva rústica niagara, pode ter preços mais baixos em abril por conta da sua maior entrada no mercado. De acordo com o calendário de oferta estimado pelo Hortifruti/Cepea, a região de Campinas (SP) – que já deu início à safrinha – deve ofertar bom volume a partir do dia 15 desse mês. Porto Feliz (SP) também iniciou a temporada, colhendo a mesma variedade. Ainda que de forma incipiente, o município deve contar com maior quantidade disponível ao longo do mês. Em São Miguel Arcanjo (SP), a colheita iniciada em janeiro se mantém até meados de maio. Diante desse cenário, o abastecimento paulista deve ser farto, ao se considerar que nem no período de podas nem no atual momento de colheita, os municípios tiveram problemas em sua produção. Já no Paraná, a niagara será ofertada juntamente com outras variedades rústicas, como isabel e nubia, que se vendidas a preços mais competitivos e com boa qualidade, podem atrapalhar os preços. Destaca-se que o volume da região também deve ser consistente diante do sucesso da atividade de podas, míldio controlado e chuvas discretas. Nessa semana o kg da variedade rústica foi negociado em média a R$ 3,50 em São Miguel Arcanjo, R$ 3,75 em Porto Feliz, e R$ 4,43 na região de Louveira.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: baixa, clima, colheita, cotação, desvalorização, fruta, niagara, podas, preço, produção, produditividade, rentabilidade, rústica, uva, variação

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui