02/07/2021

UVA/CEPEA: Geada em Marialva preocupa produtores

Áreas podem precisar de repoda

Por Bárbara Castilha, Samara Felipe e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
UVA/CEPEA: Geada em Marialva preocupa produtoresVer fotos

Piracicaba, 02 - A massa de ar polar que avançou pela região Sul atingiu a região de Marialva (PR), com acentuada queda de temperatura e formação de geadas nesta semana (28/06 a 02/07). A princípio, produtores consultados pelo Hortifruti/Cepea não relataram prejuízos severos nos cachos que estão nos pés, mas no caso das áreas que já foram podadas para a safra de final de ano, houve prejuízos em alguns parreirais de região de baixada – e, portanto, será necessário realizar a repoda.

Além de gerar preocupação com a saúde das videiras, o frio intenso prejudica as comercializações, pois a procura pelas uvas diminui. A safrinha da região está em entrando em suas últimas semanas, com cotações estáveis em relação à semana passada: a itália foi vendida à média de R$ 3,05/kg.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: clima, cotação, demanda, frio, geada, Marialva, oferta, poda, PR, preço, repoda, safra, safrinha, temperatura, uva

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui