22/06/2021

TOMATE/CEPEA: Preços baixos pressionam a rentabilidade na primeira quinzena

Cotações podem melhorar?

Por Felipe Wohnrath, Luana Chiminasso e João Paulo Deleo
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
TOMATE/CEPEA: Preços baixos pressionam a rentabilidade na primeira quinzenaVer fotos

Piracicaba, 22 – Na parcial de junho (até o dia 21), os preços da caixa de tomate ao produtor estão na média de R$ 27,30/cx (ponderada pela classificação), valor 26% inferior ao de maio, e 9% abaixo das estimativas de custos de produção. Este cenário se deu pelo atraso na maturação dos frutos no mês passado e pela concentração de oferta, devido ao aumento das temperaturas, entre o final de maio e início de junho. Além disso, mais praças passaram a colher no período, com a intensificação da safra.

Nesta segunda quinzena do mês – passado o pico de maturação e com a nova queda das temperaturas –, como as lavouras que estavam com o ciclo atrasado já encerraram as atividades e, conforme estimativas, o semeio das roças a serem colhidas foi menor do que nas ofertadas entre maio e junho, o cenário pode mudar. Assim, esta redução de oferta pode resultar em alta dos preços nos próximos dias. Entretanto, mesmo que a disponibilidade de frutos diminua, a demanda fraca e persistente dos últimos meses ainda deve impedir valorizações expressivas.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, colheita de tomate, HF Brasil, mercado de tomate, oferta de tomate, perspectivas para o mercado de tomate, preços de tomate, safra de tomate

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui