16/11/2020

TOMATE/CEPEA: Outubro é marcado por bons resultados!

Rentabilidade ao produtor é positiva no período

Por Juliana A. T. Parede, Luana Chiminasso, Felipe S. Wohnrath, Raquel M. Sabelli e João Paulo Deleo
Em parceria com
Ihara
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
TOMATE/CEPEA: Outubro é marcado por bons resultados!Ver fotos

Piracicaba, 16 – Se em setembro as roças de tomate foram afetadas pelo clima quente e seco, outubro registrou temperaturas mais amenas e precipitações – as quais abasteceram os mananciais de diversas regiões e ajudaram a reduzir problemas com pragas nas lavouras –, colaborando para o controle da maturação dos frutos. Isto, associado à diminuição do ritmo de colheita da primeira parte da safra de inverno, fez com que a oferta de tomate estivesse mais restrita no mês passado, possibilitando bons preços ao produtor: média de R$ 61,78/cx, ponderada por classificação, 41% superior à de setembro.

Neste cenário, a rentabilidade também esteve positiva, com as caixas a patamares 98% acima dos custos de produção – os quais, por sua vez, ficaram na média de R$ 31,11/cx. Ainda, outubro apresentou boas produtividades em diversas regiões acompanhadas pelo Hortifruti/Cepea. Com o problema de pragas mais controlado, dado o bom volume de chuvas, praças como Araguari (MG) e Sumaré (SP) obtiveram produtividades de 416 cxs/mil pés, para um adensamento médio de 11 mil plantas/ha, e de 333 cxs/mil pés, para um adensamento de 11,3 mil plantas/ha, respectivamente.

Neste mês de novembro, a preocupação se volta aos volumes de chuva esperados para o período, que podem elevar a incidência de doenças nas lavouras. Além disso, a oferta nacional de tomate deve se intensificar, tendo em vista o início da colheita nas áreas de verão de Venda Nova do Imigrante (ES) e aumento gradativo em Itapeva (SP).

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, custos de produção de tomate, HF Brasil, oferta de tomate, preços de tomate, produtividade nas lavouras de tomate, rentabilidade, tomate

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui