22/10/2021

TOMATE/CEPEA: Baixa oferta mantém preços em alta

Oferta deve seguir controlada na próxima semana

Por Felipe Souza Wohnrath, Luana Chiminasso, Uriel Tiago P. de Assis e João Paulo Bernardes Deleo
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
TOMATE/CEPEA: Baixa oferta mantém preços em altaVer fotos

Piracicaba, 22 - Entre os dias 18 e 22/10, os valores médios do tomate salada longa vida 3A ficaram em R$ 94,74 (-12,95%) na Ceagesp, em R$ 103,08 (+4,08%) em Campinas/SP, em R$ 115,78 (-2,96%) no Rio de Janeiro/RJ e em R$ 98,57 (+4,94%) em Belo Horizonte/MG. A menor variação nos preços (que se sustentam em patamares altos) do fruto nos atacados acompanhados pelo Hortifruti/Cepea é resultado da baixa oferta, devido ao final da primeira parte da safra de inverno e ao atraso da segunda parte – cujos tomates estão com a maturação lenta e têm chegado ao mercado ainda verdes, por conta das baixas temperaturas dos últimos dias. Além disso, houve redução de área cultivada na segunda parte da temporada de inverno, o que também reflete no menor volume disponível. Para a próxima semana, ainda não há expectativa de aumento expressivo da oferta do produto. 

 

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: atacado, Ceagesp, ceasa, cotação, frio, maturação, preço, temperatura, valor, variação

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui