27/05/2016

No campo, a expectativa é para a contagem das horas de frio

Frio deste ano pode ser mais rigoroso e favorecer produção

Por Isabela Costa e Letícia Julião
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
No campo, a expectativa é para a contagem das horas de frioVer fotos

Ao final das atividades de colheita de maçãs nas regiões produtoras do Sul do País, os pomares de maçã entram em período de dormência e podem começar a receber os primeiros cuidados para a safra de 2016/17. Além dos tratos culturais, as atenções se concentram na contagem de horas e Unidades de Frio (UF), que são uma das esperanças para uma boa safra. Em Santa Catarina, as horas de frio esperadas para as regiões de São Joaquim e Fraiburgo neste ano são maiores que a média histórica, segundo os dados da Epagri/Ciram. De 1° de abril a 25 de maio, as horas de frio abaixo de 7,2°C em São Joaquim somaram 273 e em Fraiburgo 152. 

São necessárias, pelo menos, 600 horas de frio para que a brotação seja uniforme e satisfatória, e ao que tudo indica, esses valores podem ser alcançados neste ano. Espera-se um inverno generoso neste ano, e as regiões produtoras de maçãs podem, literalmente, colher bons frutos de todo o trabalho e esforço no próximo ano.

Tags: frio, Maçã

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui