26/11/2018

MELÃO/CEPEA: Preços caem na parcial da safra 2018/19

Produtividade do RN/CE está superior nesta campanha

Por Ana Raquel Mendes e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MELÃO/CEPEA: Preços caem na parcial da safra 2018/19Ver fotos

Piracicaba, 26 – Na parcial da temporada 2018/19 (agosto a outubro), os preços do melão amarelo recuaram levemente no Rio Grande do Norte/Ceará – o tipo 6 e 7 obteve queda de 2% em comparação com os do ano passado, com média de R$ 21,18/cx de 13 kg. Isso ocorreu porque a produção se elevou no período.

Segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, além dos menores embarques internacionais, houve leve recuperação da produtividade da fruta, em decorrência das chuvas mais frequentes – em especial, durante a entressafra, quando aumentaram os volumes de algumas reservas, melhorando a qualidade da água da região. Como consequência, uma maior disponibilidade da fruta ficou no mercado doméstico.

Este cenário limitou, inclusive, as cotações do melão no Vale do São Francisco (PE/BA). Nesta praça, o amarelo a granel foi vendido por valores 13% inferiores na mesma comparação. A entrada de melões potiguares/cearenses, também no mercado regional, afetou a comercialização da fruta do Vale – que, em grande parte, se concentra neste comércio no segundo semestre (entressafra da região).

Para novembro, são esperados preços limitados, em decorrência do mercado doméstico ainda enfraquecido – apesar do leve aumento dos envios para a Europa, devido às festividades de fim de ano. Em relação à oferta do Rio Grande do Norte/Ceará, as perspectivas são de que se mantenha firme até março de 2019, uma vez que os plantios de melão se estendem até a primeira semana de janeiro.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: amarelo, Cepea, cotação, HF Brasil, melão, preço, rn/ce, safra 2018/19, Vale do São Francisco (PE/BA)

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui