19/12/2018

MELANCIA/CEPEA: Retrospectiva 2018

Como esteve a rentabilidade da cultura neste ano?

Por Mariane Novais, Laleska Moda e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MELANCIA/CEPEA: Retrospectiva 2018Ver fotos

Piracicaba, 19 – Para a maior parte das regiões acompanhadas pelo Hortifruti/Cepea, a rentabilidade da melancia em 2018 foi positiva e, em alguns casos, superior à de 2017. Esse cenário está atrelado, sobretudo, à elevação dos preços neste ano, reflexo da menor área plantada com a cultura em boa parte das praças acompanhadas.

Devido aos resultados poucos satisfatórios de safras anteriores, sejam margens restritas, adversidades climáticas, custos de produção elevados e/ ou inadimplência de compradores, muitos produtores seguiram desanimados para realizar novos investimentos. Apenas em Uruana (GO) e no RN/CE não houve redução na área.

Quer saber mais sobre o mercado de melancia em 2018 e as perspectivas para 2019? Confira o Anuário 2018-19 da Revista Hortifruti Brasil, clicando aqui.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Anuário 2018-2019, área de melancia, Cepea, Hortifruti Brasil, melancia, mercado de melancia, rentabilidade ao produtor de melancia, rentabilidade em 2018, retrospectiva 2018

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui