25/03/2019

MELANCIA/CEPEA: Preços atingem o menor patamar, para março, desde 2015

Clima impacta comercialização

Por Laleska Moda e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MELANCIA/CEPEA: Preços atingem o menor patamar, para março, desde 2015Ver fotos

Piracicaba, 25 – Com a intensificação da colheita da safrinha paulista em março, nas roças de Marília/Oscar Bressane e Itápolis, as melancias têm se desvalorizado significativamente. Na parcial do mês (até dia 22), os preços médios em São Paulo foram de R$ 0,37/kg para a melancia graúda (>12 kg) –  o menor preço para o mês de março desde 2015.

Já em relação a março de 2018, as frutas se desvalorizaram em 24,5%. A queda é reflexo da boa oferta em março, aliada à demanda fraca nos principais centros consumidores (atípica para o período).

Em termos de volume, além da intensificação da colheita nas praças de São Paulo, vale lembrar que os trabalhos também estão em andamento em Bagé (RS) e em Teixeira de Freitas (BA). Nesta última praça, o clima mais firme permitiu boa produtividade, resultando em grande disponibilidade de frutas no mercado em março.

Já em relação à demanda no período, as chuvas mais constantes e temperaturas amenas reduziram a comercialização, especialmente em São Paulo, um dos principais centros consumidores – impactando negativamente os preços em todo o País.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, clima, colheita da safrinha paulista de melancia, cotação, demanda, melancia, oferta de melancia, preços de melancia, produção de melancia

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui