31/08/2018

MELANCIA/CEPEA: Preço pouco se altera na Ceagesp

Oferta deve ser estável no início de setembro

Por Mariane Novais e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MELANCIA/CEPEA: Preço pouco se altera na CeagespVer fotos

Piracicaba, 31 - A oferta de melancia deve se manter na primeira quinzena de setembro. Isso porque a colheita em Uruana (GO) tende a aumentar ligeiramente, enquanto a de Lagoa da Confusão e Formoso do Araguaia (TO) deve diminuir, com a previsão de finalização em meados do mês, segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea. Quanto à demanda, esta deve se elevar, principalmente devido às maiores temperaturas em setembro, podendo intensificar o ritmo de vendas.

Nesta semana (27 a 31/08), os preços da melancia graúda (>12 kg) recuaram nas regiões produtoras e na Ceagesp, após três semanas consecutivas de alta nas roças. O preço médio de comercialização na Ceagesp foi de R$ 1,52/kg, recuo de apenas 1,6% frente à passada. Assim, as expectativas são de poucas oscilações nas cotações, pelo menos até meados do próximo mês.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Ceagesp, cotação, demanda, goiás, melancia, oferta, preço, tocantins, Uruana

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui