26/07/2019

MELANCIA/CEPEA: Mesmo com clima mais firme, preços não reagem

Graúda recua em GO e no TO

Por Laleska Moda, João Pedro Motta de Paiva e Fernanda Geraldini Palmieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MELANCIA/CEPEA: Mesmo com clima mais firme, preços não reagemVer fotos

Piracicaba, 26 - Os preços da melancia em Goiás e no Tocantins continuaram em queda nesta semana (22 a 26/07). Mesmo com um aumento na temperatura no estado de São Paulo nos últimos dias, o mercado da fruta ainda não teve mudanças significativas quanto ao consumo, segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea. A graúda (>12 kg) tocantinense foi comercializada a R$ 0,36/kg, queda de 10,4% frente à semana anterior, enquanto a goiana teve média de R$ 0,41/kg, valor 5,3% inferior.

Vale ressaltar que agentes relataram melhor qualidade na melancia do Tocantins, que tem tido melhor escoamento, enquanto a fruta de Goiás está com a casca mais grossa, devido ao maior tempo exposta ao frio. Para as próximas semanas, espera-se que a tendência de maiores temperaturas no mês de agosto, aliado ao período de volta às aulas, aumente a demanda por melancia, o que pode reduzir a pressão sobre as cotações.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: clima, cotação, demanda, frio, goiás, melancia, oferta, preço, qualidade, tocantins, Uruana

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui