×
Melancia
Maio 13, 2022
MELANCIA/CEPEA: Demanda recua, mas preços sobem no atacado
Lavouras de Uruana são as principais a abastecer o mercado nacional

Por Lucas de Mora Bezerra e Fernanda Geraldini

 

MELANCIA/CEPEA: Demanda recua, mas preços sobem no atacado Ver fotos

Piracicaba, 13 - Mesmo com a demanda desaquecida frente às baixas temperaturas em São Paulo (SP) e regiões próximas, as cotações da melancia avançaram no atacado. Na Ceagesp, o preço de comercialização da graúda (>12 kg) foi de R$ 2,00/kg, aumento de 21,2% em comparação com a semana anterior.

Este cenário se deve, principalmente, à diminuição na oferta da fruta, em virtude da finalização das lavouras da BA e proximidade do encerramento das atividades nas áreas paulistas. Sendo assim, as áreas de Uruana (GO) passaram a ser as principais responsáveis pelo suprimento da demanda nacional. Outro fator são os valores de frete, que são superiores nesta praça quando comparados às demais localidades, impactando no valor final da fruta.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags
Ceagesp
cotação
demanda
frete
GO
melancia
oferta
preço
SP
Uruana