18/09/2020

MELANCIA/CEPEA: Demanda firme prevalece sobre a maior oferta em GO

Graúda sobe 13% na semana

Por João Pedro Motta de Paiva, Lucas de Mora Bezerra e Fernanda Geraldini Palmieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MELANCIA/CEPEA: Demanda firme prevalece sobre a maior oferta em GOVer fotos

As cotações da melancia reagiram nesta semana (14 a 18/09) em Uruana (GO). Segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, mesmo com o maior ritmo de colheita na região – que se encontra em pico de safra, devendo permanecer até meados de outubro –, o clima firme nos principais estados consumidores garantiu melhor comercialização, valorizando a fruta. Vale ressaltar que, de acordo com agentes, além da boa demanda em função do clima, há também a preferência pela melancia goiana em relação à tocantinense.

A graúda (>12 kg) foi cotada a R$ 0,74/kg, alta de 13% frente à semana anterior. Ademais, produtores ressaltam que a quantidade de caminhões segue reduzida frente ao volume de frutos ainda disponíveis nas lavouras – o que tem elevado os custos com frete e impedido maiores incrementos na roça.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: calor, clima, colheita, cotação, demanda, GO, goiás, melancia, oferta, preço, safra, Uruana

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui