16/11/2018

MELANCIA/CEPEA: Cotações têm leve recuo em SP

Sol e umidade afetam qualidade

Por Mariane Novais, Laleska Moda e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MELANCIA/CEPEA: Cotações têm leve recuo em SPVer fotos

Piracicaba, 16 - As boas chuvas no início de novembro, seguidas do forte sol nesta semana (12 a 16/11), afetaram a qualidade de algumas melancias de Marília/Oscar Bressane e Itápolis (SP). A umidade elevada nas lavouras tem aumentado a incidência de doenças virais e de antracnose em diversas frutas – especialmente nas mais novas, que deverão ser colhidas em dezembro. Além disso, a luminosidade mais intensa dos últimos dias culminou em melancias com cascas queimadas em ambas as regiões.

Assim, a variação de qualidade nas frutas paulistas também tem levado a maiores variações nos preços. Nesta semana, a melancia graúda (>12 kg) ficou a R$ 0,74/kg, leve queda de 3,2% em relação à passada. Apesar de os problemas de qualidade pressionarem as cotações, muitos produtores de Marília/Oscar Bressane devem finalizar a colheita na próxima semana, o que pode reduzir a oferta e controlar os preços. 

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: chuva, clima, cotação, itápolis, marilia, melancia, oscar bressane, preço, qualidade, sol, SP

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui