20/11/2020

MELANCIA/CEPEA: Chuvas e queda das temperaturas impedem reação de preços em SP

Na BA, melhor qualidade beneficia valores

Por João Pedro Motta de Paiva, Lucas de Mora Bezerra e Fernanda Geraldini Palmieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MELANCIA/CEPEA: Chuvas e queda das temperaturas impedem reação de preços em SPVer fotos

Piracicaba, 20 - Ao longo desta semana (16 a 20/11), a chuva constante e as temperaturas amenas no estado de São Paulo limitaram a comercialização da melancia. Na Ceagesp, a fruta graúda (>12 kg) foi cotada, em média, a R$ 1,23/kg, queda de 5,1% em comparação com a semana anterior. Nas roças de São Paulo, a de mesmo calibre foi comercializada à média de R$ 0,57/kg, recuo de 7,1% na mesma comparação.

A praça baiana de Teixeira de Freitas foi a única com variação positiva nas cotações: o valor médio foi de R$ 0,51/kg para a graúda (+6,7%), em razão da melhora na qualidade dos frutos (parte das lavouras anteriores havia sido impactada por excesso de chuvas em alguns períodos).

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: BA, Ceagesp, cotação, demanda, itápolis, marilia, melancia, oferta, oscar bressane, preço, qualidade, SP, teixeira de freitas

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui