01/11/2019

MANGA/CEPEA: Volume dá sinais de redução em MG

Mercado desaquecido ainda limita cotações

Por Laís Marcomini e Fernanda Geraldini Palmieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MANGA/CEPEA: Volume dá sinais de redução em MGVer fotos

Piracicaba, 1º - No norte de Minas Gerais, alguns produtores de manga já entraram na fase final da temporada 2019. Assim, de acordo com agentes do setor, os preparativos para 2020 já estão bem avançados, com os plantios de algumas fazendas já emitindo as primeiras panículas.

Devido à baixa disponibilidade de frutas na região, a expectativa era de melhores cotações; contudo, o mercado não foi tão comprador na última semana de outubro, e os preços da palmer apresentaram leve queda (-2%), fechando à média de R$ 1,06/kg.

Para novembro, a redução da oferta deve ser ainda mais acentuada, e assim, mangicultores mineiros acreditam que as cotações podem ser maiores. Quanto à safra 2020, a aposta é de boas produções e maiores investimentos quanto à qualidade (principalmente ao considerar o combate e prevenção da mosca-das-frutas).

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: 2019, 2020, colheita, cotação, Jaíba, janaúba, manga, Minas Gerais, norte de minas gerais, palmer, preço, safra

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui