30/08/2019

MANGA/CEPEA: Fim de mês e qualidade enfraquecem mercado na BA

Tommy se desvaloriza 16% na semana

Por Laís Marcomini e Fernanda Geraldini Palmieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MANGA/CEPEA: Fim de mês e qualidade enfraquecem mercado na BAVer fotos

Piracicaba, 30 - O mercado de mangas se desaqueceu em Livramento de Nossa Senhora (BA) nesta semana (26 a 30/09). De acordo com agentes consultados pelo Hortifruti/Cepea, mesmo que a oferta na região esteja bastante baixa, os preços estão em patamar aquém do esperado pelos produtores. Nesta semana, a palmer se desvalorizou 7% (a R$ 1,77/kg) ante à passada, enquanto a tommy teve baixa de 16% no mesmo período (a R$ 1,10/kg).

Um dos motivos é a baixa demanda, consequência do final do mês. Porém, outros produtores acreditam que a divergência de padrão de qualidade entre as frutas está fazendo com que alguns lotes percam espaço em determinados mercados e se acumulem nas roças. Para setembro, continua a expectativa de aumento de volume colhido, perdurando nesta quantidade mais elevada até outubro. Em termos de produção, o mês de agosto não contou com grandes empecilhos, sendo a sazonalidade da demanda o fator de maior impacto.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: bahia, cotação, demanda, livramento de nossa senhora, manga, oferta, palmer, preço, qualidade, tommy

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui