03/12/2018

MAMÃO/CEPEA: Rentabilidade do havaí pode seguir positiva em dezembro

Preços ficam acima do custo de produção na maior parte do ano

Por Gabriel C. Barbosa e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MAMÃO/CEPEA: Rentabilidade do havaí pode seguir positiva em dezembroVer fotos

Piracicaba, 03 – Para dezembro, produtores esperam que a rentabilidade unitária do mamão havaí siga positiva, assim como nos demais meses de 2018. Isso porque, apesar da demanda enfraquecida no período (devido à maior procura por frutas de caroço), a menor disponibilidade da variedade nas principais regiões produtoras pode assegurar preços favoráveis. Este cenário também poderá ser observado para o formosa, caso o leve aumento da oferta não pressione fortemente as cotações.

Na parcial deste ano (janeiro a outubro), o mamão havaí foi vendido à média de R$ 1,25/kg no Sul da Bahia, valor 84% superior ao custo estimado para a produção de um quilo da fruta. Vale destacar que estes bons resultados foram observados mesmo com o aumento do custo de produção no período – em decorrência da alta do dólar, do tabelamento do frete, da maior incidência de viroses e da maior aplicação de fungicidas.

Ressalta-se ainda que, de acordo com colaboradores do Hortifruti/Cepea, o melhor retorno financeiro da variedade havaí não deve estimular grandes investimentos na cultura para 2019, visto que a produção se reduziu neste ano e a rentabilidade negativa do ano passado descapitalizou boa parte dos produtores.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, custos de produção de mamão, Hortifruti Brasil, mamão, mamão havaí, oferta, perspectivas para 2019, preço de mamão, rentabilidade do mamão, rentabilidade positiva para o havaí

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui