18/06/2021

MAMÃO/CEPEA: Preços recuam na maioria das regiões produtoras

Formosa se desvaloriza 30% no Norte do ES

Por Wharlhey de Cássia Nunes e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MAMÃO/CEPEA: Preços recuam na maioria das regiões produtorasVer fotos

Piracicaba, 18 - Os preços do mamão recuaram na maioria das regiões produtoras acompanhadas pelo Hortifruti/Cepea nesta semana (14 a 18/06), com exceção do Rio Grande do Norte/Ceará. De acordo com agentes consultados, isso ocorreu porque, nem mesmo a menor oferta e a boa qualidade foram capazes de contornar a demanda retraída do período. O aumento de cotação registrado na semana passada não foi muito bem aceito pelo mercado e houve pressão para baixá-lo com a recente entrada da segunda quinzena do mês.

No Espírito Santo, o formosa foi vendido por R$ 0,53/kg, queda de 30% em relação à semana passada. E, no Sul da Bahia, o havaí tipo 12 a 18 foi comercializado por R$ 0,62/kg, redução de 11% na mesma comparação. Com essa desvalorização, a rentabilidade do produtor, que já estava limitada, voltou a ficar abaixo do custo de produção estimado na maioria das regiões. Como o fim de mês se aproxima, as cotações do mamão podem seguir pressionadas pelo mercado fraco na próxima semana.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, formosa e havaí, HF Brasil, Norte do ES, oferta controlada, preço de mamão, queda de preço, sul da BA, vendas fracas

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui