25/06/2021

MAMÃO/CEPEA: Em clima de fim de mês, preços voltam a recuar

Apesar da redução da oferta, volume ainda é superior ao demandado

Por Wharlhey de Cássia Nunes e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MAMÃO/CEPEA: Em clima de fim de mês, preços voltam a recuarVer fotos

Piracicaba, 25 - Os preços do mamão recuaram novamente na maioria das regiões produtoras nesta semana (21 a 25/06), com exceção do Rio Grande do Norte/Ceará. Segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, isso ocorreu por conta do mercado enfraquecido, pela proximidade do fim de mês. Assim, apesar de a oferta estar se reduzindo, o volume ainda foi superior ao demandado.

O havaí tipo 12 a 18 foi vendido por R$ 0,52/kg no Sul da Bahia, redução de 16% em relação à semana passada. O formosa registrou queda de 20% no Norte do Espírito Santo, na mesma comparação, sendo comercializado por R$ 0,42/kg. Colaboradores relataram que este cenário poderia ser ainda pior se o clima mais ameno não estivesse desacelerando a maturação na roça. Como a oferta de ambas as variedades está mais controlada, os relatos de descartes não têm sido frequentes como em meses anteriores.

Na próxima semana, o comércio de mamão ainda deve ser limitado pelo encerramento do mês.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, fim de mês, formosa e havaí, HF Brasil, mercado enfraquecido, Norte do Espírito Santo, preço de mamão, queda de preço, sul da bahia, volume maior ao demandado

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui