23/04/2021

MAMÃO/CEPEA: Como estão os dados parciais de abril?

Oferta de havaí aumenta gradualmente

Por Wharlhey de Cássia Nunes e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MAMÃO/CEPEA: Como estão os dados parciais de abril?Ver fotos

Piracicaba, 23 - Assim como esperado, a oferta do mamão havaí começou a aumentar gradualmente em abril, sobretudo nas últimas semanas. Este cenário, juntamente com o comércio limitado, fez com que os preços recuassem ao longo do mês nas regiões produtoras. No Sul da Bahia, o havaí tipo 12 a 18 foi vendido por R$ 0,84/kg na parcial de abril (1º a 23/04), valor 55% inferior ao do mesmo período de março, quando a disponibilidade da variedade estava menor.

De acordo com colaboradores do Hortifruti/Cepea, o giro de vendas está muito baixo devido à situação econômica limitante e às restrições impostas no funcionamento de hotéis, escolas, restaurantes e até mesmo de supermercados para combater a covid-19, que têm afetado principalmente produtos muito perecíveis, que é o caso do mamão. Diante disso, a fruta tem se acumulado na roça, podendo ser observada até perdas recentemente.

E para o formosa? A dinâmica de abril foi bem parecida e a variedade foi comercializada por R$ 0,73/kg no Norte do Espírito Santo na parcial (1º a 23/04), valor 52% menor na mesma comparação. Como o fim de mês se aproxima, produtores acreditam que as vendas de mamão devem permanecer desfavoráveis nos próximos dias.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: aumento gradual da oferta, Cepea, comércio retraído, HF Brasil, mamão havaí, Norte do ES, preço de mamão, sobras e perdas, sul da BA

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui