08/01/2021

MAMÃO/CEPEA: 2021 começa com preços baixos para o formosa

Procura ainda está enfraquecida nesse período pós-festas

Por Wharlhey de Cássia Nunes e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MAMÃO/CEPEA: 2021 começa com preços baixos para o formosaVer fotos

Piracicaba, 08 - O mamão formosa vem se desvalorizando nas principais regiões produtoras desde dezembro, devido ao aumento da oferta - cenário que persiste neste início do ano (04 a 08/01). A variedade foi comercializada a R$ 0,42/kg no Norte do Espírito Santo e R$ 0,40/kg no Norte de Minas Gerais, desvalorização respectiva de 18% e 17% em relação à semana passada.

Segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, além da boa oferta, os baixos preços estão relacionados, também, à demanda ainda enfraquecida nesse período pós-festas e aos problemas de qualidade apresentados em algumas localidades - resultantes do descontrole com ácaros rajados e viroses. Vale ressaltar que, como as viroses não possuem tratamento, as plantas infectadas devem ser erradicadas. Produtores relataram que, diante desse cenário de preços, descartes nas roças estão ocorrendo.

Para a próxima semana, espera-se que a oferta de formosa se mantenha, mas que haja uma retomada da comercialização, favorecendo o escoamento da variedade.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, desvalorização, HF Brasil, mamão formosa, norte de MG, Norte do ES, oferta elevada, preço do mamão, venda fraca

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui