04/12/2020

MAÇÃ/CEPEA: Mesmo com precoces e frutas de caroço, vendas seguem satisfatórias

Estoques estão bastante reduzidos

Por Ana Raquel Mendes e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MAÇÃ/CEPEA: Mesmo com precoces e frutas de caroço, vendas seguem satisfatóriasVer fotos

Piracicaba, 04 - Durante esta semana (30/11 a 04/12), a demanda por maçãs esteve um pouco mais retraída em comparação às anteriores. De acordo com agentes, com a virada de mês nesta semana, com os pagamentos sendo feitos apenas nos próximos dias, o poder de compra do consumidor se manteve limitado, diminuindo a procura por maçãs no varejo e, consequentemente, nas classificadoras do Sul. Além disso, a disponibilidade de frutas de caroço e a entrada de alguns volumes de maçãs precoces do Paraná e Minas Gerais, também provocaram uma pequena competição com a fuji e a gala.

Mesmo diante disso, a comercialização de maçãs continuou fluindo bem, uma vez que os estoques da fruta seguem restritos. Com isso, a fuji calibre 165 Cat 1 foi vendida a R$ 101,11/cx de 18 kg, na média das regiões classificadoras, leve queda de 1% frente à semana anterior. Para a próxima, agentes acreditam que a comercialização siga satisfatória, visto que poucas classificadoras devem permanecer no mercado ao longo do mês, o que, além de significar oferta limitada, também deve colaborar nas negociações das que ficarem no mercado.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, classificadoras do Sul, demanda retraída, estoques restritos, Frutas de caroço, HF Brasil, maçãs precoces, preços de maçã

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui